Mecanização impulsiona produção de hortaliças no município do Careiro da Várzea

Notícias

Mais de 90 famílias da zona rural do município de Careiro da Várzea no Amazonas, vão passar a produzir hortaliças em larga escala com os novos equipamentos agrícolas entregues na quarta-feira (09/05) pelo Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS). Esse é o segundo investimento feito em menos de um mês no município, que possui uma das maiores produções agropecuárias e de hortaliças do Estado.

Com investimento de R$ 192 mil, foram entregues para as Associações Comunitárias de Produtores da Região do Baixo Curari e do Paraná do Careiro da Várzea 2 cultivadores; 2 carretas agrícolas; 1 sulcador; 2 roçadeiras frontais; 1 kit encanteirador e 34 roçadeiras. Os investimentos fazem parte dos Termos de Fomentos firmados entre as associações e o FPS. Entre os principais benefícios na vida dos agricultores está a redução do trabalho manual feito por uma longa jornada de trabalho.

O presidente da Associação Comunitária de Produtores da Região do Baixo Curari, na comunidade Divino Espírito Santos,Thiago da Silva, projeta novas conquistas com a mecanização em sua comunidade. “Vamos sair do trabalho braçal de agora em diante. Um trator como esse vai substituir 10 homens, que vão poder atuar em outras frentes de trabalho em nossa comunidade para melhorar nossa produção. Temos a meta de aumentar em 30% nossa produção de hortaliças”.

Desenvolvimento da economia – Ao fazer a entrega nas comunidades, a presidente de honra do FPS, Mônica Mendes, ressaltou a importância do desenvolvimento do setor primário do Estado.

“Todo investimento que o FPS faz é pensando na interiorização da economia do Estado. Queremos mais do que nunca ajudar essas famílias que precisam de mecanização para acelerar seus trabalhos no campo. Na próxima semana, nós estaremos na cidade de Fonte Boa para entregar novos benefícios para o setor primário”.

Produção – Expressivo na produção de hortaliças, como couve, pepino, feijão de metro, abobrinha e pimenta cheirosa, o município da Calha do Solimões produziu, no ano passado, cerca de 500 toneladas de hortaliças. A estimativa para este ano, segundo o Instituto de Desenvolvimento Agroflorestal e Sustentável do Amazonas (Idam) do município, é que a produção alcance o patamar de 900 toneladas.

Boa parte dessa produção é feita na área de terra firme e várzea (região que sofre de inundações no período da cheia), e escoada para os mercados e feiras de Manaus.

Mais investimentos – No último dia 24 de abril, o FPS entregou na Comunidade do Curarizinho 3 microtratores cultivadores agrícolas, carreta, triciclo motorizado, roçadeira frontal, roçadeiras manuais, pulverizadores costais e pulverizador mecanizado. O investimento foi de R$ 74, 6 mil e beneficiou 100 produtores rurais. No total, o FPS já investiu R$266, 6 mil na região.

Apoio – O Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza do Governo do Amazonas apoia projetos de instituições que trabalham e contribuem para a viabilidade econômica e social das populações urbanas e rurais, por meio dos Termos de Fomentos, via editais.

Fonte – Secom

Deixe uma resposta