Sebrae Amazonas abre inscrições para programa que transforma ideias inovadoras de negócios em startups

Notícias

O Sebrae no Amazonas está com inscrições abertas para mais uma edição do “Flash Sebrae”, um programa que oferece apoio para os empreendedores que possuem ideias inovadoras de negócios e desejam tirá-las do papel, com objetivo de transformar em uma startup. As inscrições devem ser realizadas pelo endereço eletrônico flashsebrae.com.br/inscreva-sua-ideia/ até o dia 26 de junho. Mais informações sobre os critérios de inscrição, avaliação e participação no Programa podem ser encontradas no site do “Flash Sebrae” ou na página do Facebook “Flash Sebrae para Startups”.

Durante o processo de inscrição, os interessados em participar do “Flash” devem responder o questionário de descrição e detalhamento da proposta inovadora de negócio/startup, que contém perguntas como: Qual a sua ideia de negócio? Como você teve essa ideia e de que maneira confirmou a necessidade dessa proposta?

Após a fase de inscrições, os modelos de negócios cadastrados passarão pela análise de viabilidade do produto, e serão escolhidas apenas as 25 melhores ideias. O resultado final da seleção será anunciado no dia 16 de julho, no site. As empresas escolhidas terão acesso a uma série serviços de aprimoramento de gestão empresarial como, palestras, oficinas, cursos, workshops, mentorias, acompanhamento de indicadores, demodays, onde os participantes apresentam suas startups para potencias investidores, missões técnicas e tutorias.

“Ao longo de quatro meses os participantes passarão por diversos níveis de estruturação de uma startup, iremos tirar eles do nível de curiosidade, ou seja, a fase onde o propósito do empreendedor ainda não está claro ou ainda não está validado, e iremos prepará-lo para colocar a sua ideia de startup no mercado, a chamada etapa de operação”, explica o analista técnico do Sebrae no Amazonas e gestor do programa, Denys Cruz.

O engenheiro agrônomo e idealizador da startup Onisafra, uma plataforma que possibilita que os agricultores comercializem alimentos diretamente para os clientes, Macaulay Souza, teve sua ideia de startup aprimorada, no ano de 2015, dentro do Flash Sebrae.

“Passei por experiências incríveis no “Flash”, entrei com uma ideia muito superficial de negócio, algo que vendesse de cavalos a alimentos agrícolas, mas depois de ter os treinamentos do Sebrae acabei percebendo que para criar uma startup que ajudasse tanto o agricultor como o consumidor, deveria modificar meu projeto” conta, Macaulay, que hoje está expandido os pontos onde os consumidores fazem a retirada dos produtos ofertados na Onisafra.

Fonte – Sebrae

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta