Giro do BNDES ultrapassa o valor de R$ 3 bilhões em aprovações, desde agosto

Variedades

O Programa BNDES Giro, lançado há quatro meses, já registra aprovação de mais de R$ 3 bilhões em 11 mil operações contratadas. O objetivo principal é o fomento às micro, pequenas e médias empresas: 28% dos recursos foram destinados às micro empresas, 58% às pequenas e 13% às médias. Apenas 12 operações foram contratadas por grandes empresas.

Até o dia 23 de dezembro, mais de 10 mil empresas captaram recursos para capital de giro por meio do BNDES. Desse total, 4.300 empresas (mais de 40%) recorreram ao BNDES pela primeira vez para essa finalidade (giro). Destaca-se ainda o percentual de 50% de novos clientes entre as micro empresas. Os números demonstram a presença cada vez maior e a consolidação do BNDES Giro junto às empresas de menor porte.

Simplificação e agilidade – O Programa BNDES Giro visa simplificar e agilizar, pela internet, a concessão de crédito para capital de giro voltado às micro, pequenas e médias empresas. Os beneficiários têm seus pedidos de financiamento de capital de giro aprovados rapidamente no BNDES. Desse modo, os clientes podem saber, já no ato da solicitação, se estão aptos a receber os recursos pretendidos.

O BNDES Giro é ofertado em todos os estados do país, por meio de mais de 57 Instituições Financeiras credenciadas, sejam elas privadas, públicas, agências de fomento, bancos de desenvolvimento, de montadoras, de cooperativas ou cooperativas de crédito.
Com esse novo programa, o BNDES espera acrescentar cerca de R$ 20 bilhões em novos financiamentos para micro, pequenas e médias empresas. Com a indicação da recuperação da atividade econômica, o acesso a capital de giro pelas empresas é essencial e sua facilitação é uma das prioridades do BNDES.

O BNDES Giro passa a integrar o novo sistema de aprovação automática de operações do Banco, chamado de BNDES On-line. A plataforma conecta os processos automatizados dos agentes financeiros aos do BNDES, proporcionando às operações indiretas ganhos de eficiência, celeridade e segurança.

Fonte – BNDES

Deixe uma resposta