Tecnologias para produção do cupuaçu na Amazônia é tema de Live nesta sexta no youtube da Embrapa

Ciência e Tecnologia

O cupuaçu é uma fruta perene originária da Amazônia, conhecida pelo seu sabor marcante com boa aceitação no mercado nacional e internacional. A cultura do cupuaçu tem a importância social e econômica como fonte de renda e emprego para muitos produtores rurais da região amazônica. Para apresentar informações das pesquisas e tecnologias desenvolvidas pela Embrapa sobre essa cultura será realizado nesta sexta-feira, 4 de setembro, às 10h30 (hora de Brasília) o painel Tecnologias para produção do cupuaçu na Amazônia, com transmissão ao vivo pelo canal da Embrapa no Youtube (youtube.com/embrapa .

O evento on line faz parte da série de lives “Amazônia em Foco”, com abordagens sobre temas relacionados à pesquisa agropecuária e atuação da Embrapa na região.

O painel “Tecnologias para produção de cupuaçu na Amazônia” terá a participação de Rafael Moysés, pesquisador da Embrapa Amazônia Oriental, Hyanameyka Primo, pesquisadora da Embrapa Roraima, Aparecida Claret, pesquisadora da Embrapa Amazônia Ocidental, Elton Takaki, produtor Rural de cupuaçu d município de Tome-Açu, Pará.

Durante o painel, os participantes irão apresentar informações sobre as pesquisas da Embrapa na região Amazônica com ênfase nos resultados de pesquisas com tecnologias para produção de cupuaçu, orientações sobre problemas fitossanitários (como a doença vassoura-de-bruxa e a praga broca-do-fruto do cupuaçu), informações sobre boas práticas de manejo e cultivares, voltadas para aumento de produtividade dessa cultura na região amazônica.

O cupuaçu é uma fruta com vários usos, que envolve desde a culinária até a indústria de cosméticos. A polpa pode ser usada na fabricação de sucos, sorvetes, doces, biscoitos, geleias e licores. A gordura das sementes é empregada na indústria de cosméticos para fabricação de óleos, hidratantes, batons e produtos capilares. Além da polpa e semente, a casca também é aproveitada para produção de adubo orgânico.

O evento on line é direcionado principalmente a agricultores, técnicos de extensão rural e demais profissionais que atuam no setor agrícola, assim como pesquisadores, professores e estudantes interessados no cultura do cupuaçuzeiro. Os interessados podem se conectar no canal youtube.com/embrapa no horário da live de 10h30 às 12h (horário de Brasília). O público poderá fazer comentários e enviar perguntas por meio do chat durante a transmissão.

 

 

Fonte – Embrapa Amazônia Ocidental

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta