Advogados investiram em marketing jurídico durante a pandemia, mostra pesquisa

Ciência e Tecnologia

Em 2021, os escritórios de advocacia passaram a investir ainda mais em marketing jurídico, conforme mostra a pesquisa ‘Mapa Jurídico Nacional’, realizada pela consultoria LETS Marketing, especializada em comunicação e marketing jurídico.

De acordo com o levantamento, 53% dos advogados respondentes afirmaram terem direcionado investimentos para marketing entre março de 2020 e maio de 2021. Outras frentes que receberam investimentos foram Tecnologia (47%), Recursos Humanos (34%), Novos Mercados (24%) e Estrutura Física (13%).

Para o sócio-fundador e CEO da LETS Marketing, Rafael Faria Gagliardi, os escritórios de advocacia entenderam que barreiras geográficas não os impedem de atender clientes na jurisdição nacional. “Saiu na frente quem já havia investido em marketing jurídico e tecnologia antes do início da pandemia. Entre os respondentes, 19% afirmaram ter desinvestido em estrutura física no período, enquanto 24% confirmaram que buscaram novos mercados”, explica.

Para Gagliardi, a tendência é que o marketing jurídico cresça ainda mais no Brasil. “O novo provimento com regras para publicidade voltada a advogados e escritórios deu segurança para este mercado atuar, por exemplo, com mais conteúdo patrocinado nas redes sociais e branded contente em geral. Temos visto escritórios de advocacia se abrirem mais a práticas que já vinham eventualmente sendo praticadas, mas que agora têm segurança jurídica para serem exploradas sem controversas”.

Participaram da pesquisa 70 advogadas e advogados atuantes em 62 escritórios de advocacia nacionais de todos os portes, representando um total de 4.500 advogados. Entre os escritórios representados, 28% são full-service, 30% abrangentes e 42% são boutiques especializadas.

A pesquisa ‘Mapa Jurídico Nacional’ pode ser conferida na

 

 

Fonte – bit.ly

Foto – Divulgação

 

 

Deixe um comentário