Projeto de artes Teias Urbanas completa seu primeiro ano

Cultura

Teias Urbanas esta completando 01 ano. O Projeto de artes integradas que misturou artes plásticas, literatura e artes visuais espalhou mais de 50 instalações pela cidade fechando seu primeiro ciclo, visa uma continuidade pelas ruas e muros de Manaus.

O primeiro ciclo contou com a produção de 23 poesias e 20 ilustrações que foram transformadas em Lambe-lambes e espalhados pela cidade. Agora devido ao isolamento social da quarentena as saídas nas ruas estão adiadas e aglomerações canceladas e isso inviabiliza a parte central do projeto, porém o idealizador – o professor da rede pública e poeta – Rafael César propõem uma nova forma de interação, que preserva as recomendações médicas.

“Nesse momento é importante que todos respeitemos as orientações de segurança e nesse quesito a internet pode ser uma ferramenta para que possamos continuar produzindo e nos comunicando com a devida segurança” afirma o realizador do projeto.

Rafael explica ainda que “Encerrado esse 1º ciclo do projeto, tem por objetivo o lançamento de um novo livro de poesias, que é uma continuação temática. Um projeto pessoal para falar poeticamente sobre Manaus, no aspecto da urbanidade. Ele afirma iniciar esse ciclo de escrita, realizando duas ações, a primeira é continuar doando livros de literatura variada através da página do projeto no instagram @teiasurbanas e continuar deixando kits de livros didáticos e mais um exemplar do livro Teias Urbanas”.

“Essas duas ações têm por objetivo unir suas duas paixões lecionar e a literatura, de tal forma que – respeitando as orientações médicas – possa aliviar um pouco a pressão que é ficar isolado em casa e ainda uma pequena forma de agradecer aqueles que tiveram que estar na linha de frente, por isso alguns desses livros serão deixados em pontos de ônibus como um pequeno e singelo presente” conclui o professor e poeta

Dessa forma o projeto segue apesar das limitações momentâneas, e agora, segundo seu idealizador a pretensão é incentivar a literatura como uma maneira de aliviar a tensão da quarentena.

O Projeto conta com vídeo-poemas e vai contar também com uma parceria entre Rafael e a artista circense Teffy Rojas, que estão finalizando um poema escrito a quatro mãos e em breve lançarão em forma de vídeo poema na página de facebook .

 

Fonte – Ascom

Edição – Coopnews

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta