Festival universitário de audiovisual divulga edital para inscrições gratuitas até dia 30

Cultura

Estão abertas as inscrições para a 2ª Edição do Pirarucurta – Festival Audiovisual Universitário, da Faculdade Martha Falcão (FMF), até o próximo dia 30 de outubro por meio do link . São aceitos curtas-metragens produzidos entre os anos de 2018 e 2020, com duração de até 15 minutos.

As obras podem ser inscritas na Mostra Competitiva e também na Mostra Não Competitiva, nas categorias de Ficção, Não-ficção, Animação e Produção Publicitária. Não há limite de inscrição para os dois tipos de mostras (competitiva e não competitiva). No entanto, é preciso observar o edital que proíbe a participação de trabalhos que caracterizem promoção institucional, política e/ou empresarial (com exceção de trabalhos fictícios). O edital pode ser acessado no portal do curso de Comunicação Social da faculdade ou por meio do link.

É necessário preencher um formulário de inscrição online para cada trabalho, informando o link do vídeo inscrito, que deverá estar disponível em plataformas como Youtube e Vimeo, já em alta resolução para exibição (Full HD), para participar do processo de seleção. É preciso ainda colocar também a senha de acesso ao vídeo, quando necessário, em espaço específico no formulário. Faz-se necessário que, no ato da inscrição, seja colocada a sinopse da obra.

O responsável pela inscrição do trabalho aprovado para exibição receberá certificado de 20 horas complementares. Caso não seja uma produção individual, os demais membros da equipe devem ter seus nomes completos assinalados em ficha técnica (um dos itens do formulário de inscrição) para recebimento do certificado

A divulgação das propostas aprovadas será feita por meio das redes sociais do Pirarucurta – YouTube, Instagram e Twitter – podendo ser divulgado também na Falcon Agência Experimental da Faculdade Martha Falcão e também nos canais de comunicação e redes sociais oficiais da instituição, a partir do dia 06 de novembro.

Sobre o Pirarucurta

Realizado desde 2019, o Pirarucurta é promovido pelo curso de Comunicação Social da Faculdade Martha Falcão. A proposta é abrir espaço para a divulgação e democratização da produção audiovisual universitária na Região Norte, promovendo o intercâmbio com o público e o mercado por meio da socialização e visibilidade das produções. Além disso, o festival fomenta o reconhecimento de futuros profissionais do audiovisual de forma geral.

Este ano, o debate será em torno da “cultura amazônica”, trabalhada de forma divertida por meio da identidade visual baseada na série Stranger Things. Na primeira edição, sucesso de crítica e de público, o tema foi uma homenagem à saga Star Wars.

De acordo com a professora da faculdade Martha Falcão, Susy Freitas, que integra a organização, o evento oportuniza, além do aspecto prático de reconhecer a produção audiovisual universitária para quem participa, diferentes experiências que podem enriquecer o currículo. “Por meio do certificado, pode-se agregar atividades ao currículo do aluno, na medida em que apresentar e eventualmente ter premiada uma produção sua é algo que agrega diferencial a ele na seleção de um estágio, por exemplo. Mas mais do que isso, participar de um evento como o Pirarucurta é colaborar para conhecer e construir nossa identidade cultural a partir do audiovisual, estar a par de discussões e práticas importantes para quem é da área da comunicação e uma forma de conhecer e criar networking entre alunos e profissionais da área. Dessa forma, são várias as vantagens em curto, médio e longo prazo aos participantes”, explica.

 

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta