Herói – ribeirinhos recebem mostra de cinema com obras de artistas do AM

Cultura

Durante o fim de semana, ribeirinhos da comunidade do Tumbira, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Rio Negro, receberam uma mostra de cinema com obras de artistas do Amazonas, por meio do projeto Meu Herói, contemplado na Lei Paulo Gustavo, para ações no audiovisual.

Com estrutura de telão, projeção, som e pipoca, os comunitários puderam ter a experiência de assistir uma sessão de cinema sem precisar se deslocar para a capital. Toda a programação ocorreu no espaço do campo de futebol da comunidade.

A professora Inês Alencar destaca a importância da mostra para a comunidade que possibilita o acesso à cultura e mostra o potencial dos artistas locais, que contribui com a valorização do fazer cinematográfico na região amazônica.

“Eu vejo como muito importante aqui para a comunidade, até porque tanto crianças quanto jovens e, até mesmo, adultos, dificilmente, ou até digo que muitos, nunca nem assistiram filme feito por atores locais, um filme que tenha tido produção local por pessoas da região, nós somos muito habituados a vermos e gostarmos de filmes que vêm de fora, produzidos e feitos por outras pessoas e pouco valorizamos o trabalho das pessoas que moram na nossa região”, destacou.

Para a professora, que assistiu aos filmes na companhia do filho, além do momento de diversão, a exibição dos filmes amazonense estimula o potencial local e desperta sonhos.

“Nós muitas vezes deixamos de acreditar no potencial local para dar muita ênfase e acreditar que potenciais só podem vir de fora, então ver esse filme, perceber que teve crianças que assistiram aos filmes também que gostaram, crianças até mesmo que nunca foram ao cinema e se divertiram com isso, é satisfatório. Gostei muito da experiência e espero que a gente possa assistir mais, ter mais experiências como essa”, afirmou.

Um dos líderes comunitários, Roberto Garrido, destacou que é um privilégio receber o projeto e uma oportunidade única de acesso à cultura, algo que jamais tinha acontecido antes aqui no Tumbira.

“Os comunitários da comunidade de Tumbira podem sentir privilégios de estar recebendo aqui essa parte de cultura, teatro, filme aqui dentro da comunidade. Uma coisa que não tinha acontecido aqui. A gente acha que não é capaz, mas os jovens daqui da comunidade têm a oportunidade de ouro. O projeto é uma coisa que vem somando muito o desenvolvimento também cultural e da nossa comunidade”, contou Garrido.

Willian Soares, que também faz parte da liderança comunitária, acredita que não apenas a mostra de cinema, mas o projeto Meu Herói como um todo, contribui para o desenvolvimento cultural de Tumbira.

“Foi muito bom, eu gostei bastante. Acho que todos os comunitários gostaram também, que participaram aqui com a gente. Isso traz uma cultura pra gente, então, pra gente que não tem muito contato, é muito bom. Então, isso eu acho que traz uma cultura para dentro da comunidade, é muito bom”, finalizou.

O projeto Meu Herói realiza as filmagens do curta-metragem no período do dia e à noite propõe atividades para difusão da cultura no âmbito da comunidade. Está prevista para o próximo fim de semana uma oficina gratuita de técnicas de interpretação para teatro e cinema.

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação

Deixe um comentário