Desenvolvimento Sustentável é tema de encontro em Humaitá

Notícias

Com objetivo de apoiar ações que promovam o desenvolvimento sustentável da região sul do Amazonas, representantes do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) participam do 1º Encontro da Aliança para o Desenvolvimento Sustentável do Sul do Amazonas (ADSSA). O evento iniciou na última terça-feira (25/06) e terminou nesta quinta-feira (27/06), no município de Humaitá.

A iniciativa visa beneficiar os municípios de Apuí, Boca do Acre, Borba, Canutama, Humaitá, Lábrea, Manicoré, Novo Aripuanã, Pauini e Tapauá por meio do desenvolvimento econômico aliado à conservação ambiental e melhoria dos índices sociais.

Entre os temas abordados estão os setores da pecuária, agricultura, florestal, aquicultura e pesca, além de questões relacionadas à infraestrutura, mineração, turismo, ordenamento territorial, fundiário e ambiental.

Cadeias produtivas – A engenheira florestal e chefe do Departamento de Assistência Técnica e Extensão Florestal do Idam, Nadiele Pacheco, destaca que o Governo do Amazonas por meio do Idam vai incentivar na região cadeias produtivas na área florestal. “A ideia é apresentar os projetos prioritários que o Idam elaborou para as cadeias produtivas da castanha, açaí, borracha, óleos e madeira que serão desenvolvidos na região sul do Amazonas”, disse a engenheira.

Além da chefe do Departamento Florestal, participam do evento os gerentes das unidades locais do Idam dos municípios de Apuí, Canutama, Humaitá, Lábrea, Novo Aripuanã, Pauini, Santo Antônio do Matupi/Manicoré e Tapauá.

Sustentabilidade – A ADSSA é uma instância de diálogo e discussão entre atores do setor público, da iniciativa privada e da sociedade civil, que visa promover o desenvolvimento sustentável conciliado ao uso e ocupação do solo de encontro com as necessidades da população.

 

Fonte – Secom

Foto – Divulgação