Amazônia: bem-estar humano está entre os focos do portfolio de projetos da Embrapa

Notícias

A qualidade de vida das cerca de 23 milhões de pessoas que vivem na Amazônia é o foco principal do portfolio de projetos que a Embrapa tem para a região. São 75 projetos que buscam desenvolver, ampliar e incentivar novos modelos de desenvolvimento por meio da integração da ciência, tecnologia e inovação com as políticas públicas, mercado e com a sociedade.

O pesquisador Judson Valentim, da Embrapa Acre, que é o líder do Portfolio Amazônia, diz que a região ainda convive com o paradoxo de contar os maiores estoques mundiais de recursos naturais e os piores índices de desenvolvimento humano do Brasil. “Esse paradoxo de pobreza da população convivendo com a riqueza de recursos naturais é insustentável”, afirma.

Para ele a inovação tecnológica e social e a reformulação das políticas públicas são as principais vertentes para vencer o desafio de conciliar desenvolvimento econômico com inclusão social e melhoria da qualidade de vida da população e a conservação ambiental na região.

Fala do pesquisador  

Entre os desafios que o Portfolio Amazônia se propõe a enfrentar estão a agregação de valor a produtos da biodiversidade; a intensificação sustentável da produção nas áreas degradadas e com foco na agricultura familiar; o desenvolvimento de bioativos; a maior integração com o mercado e a bioeconomia, entre outros.

A estratégia priorizada pela Embrapa, segundo o pesquisador, é a atuação em parceria com todos os segmentos produtivos e os órgãos governamentais federais, estaduais e municipais.

Para o chefe-geral da Embrapa Amazônia Oriental, Adriano Venturieri, o Portfolio Amazônia concentra temas prioritários para o desenvolvimento social e econômico da região com foco na sustentabilidade ambiental.

Para conhecer mais sobre o Portfolio Amazônia, clique aqui.

 

Fonte – Embrapa Amazônia Ocidental

Foto – Divulgação 

 

 

Deixe uma resposta