Governador do AM entrega fomentos a produtores do setor primário de Iranduba

Notícias

Em agenda no município de Iranduba, nesta sexta-feira (09/10), o governador Wilson Lima entregou 10 kits da pesca ornamental para a Associação de Pescadores e Pescadoras Profissionais de Iranduba (Aspepi), por meio do edital de chamamento público n° 002/2020, da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror). A solenidade aconteceu no Centro Educacional de Tempo Integral (Ceti) Maria Izabel Desterro e Silva.

Também foram entregues 27 Cartões do Produtor Primário, além da liberação de cerca de R$ 447 mil em Crédito Emergencial para 41 feirantes da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), e 12 agricultores familiares do município.

Wilson Lima destacou que o setor primário foi mantido como prioridade, mesmo durante o pico a pandemia. “Eu tive uma preocupação muito grande em dar atenção àquelas pessoas que mais precisavam, que foram muito prejudicadas. Tive a preocupação de não fechar as atividades do setor primário e, para os feirantes que faziam parte da ADS, o Estado comprou a metade do que eles venderiam na feira”, ressaltou o governador.

Kit Pesca – Cada kit de pesca ornamental entregue no Iranduba é composto por 10 caixas plásticas brancas tipo caçapa de 40 litros; uma bateria 60 amp; uma tela mosquiteira de nylon verde 1x50m (rapiché); um facão – mato – 16 polegadas; uma faca inox peixeira reforçada com cabo de madeira de 6 polegadas; entre outros itens.

“Vai melhorar porque a gente vai produzir mais um pouco, vamos ter os tanques para pescar o mesmo peixe que é do rio, que a gente pode tirar para a alimentação. Antes não tinha esse incentivo e hoje o Governo está incentivando muito. Ele viu o lado da gente, que é o menos favorecido. A gente agradece, de coração”, disse Atacílio Felício da Silva, pescador ornamental.

Cartões do Produtor – Na ocasião, também foram entregues 27 Cartões do Produtor Primário por meio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam). Foi feita, ainda, a certificação aos participantes do curso “Oficina de Beneficiamento do Pescado com a Retirada de Espinha de Peixes”, realizada pela Secretaria Executiva de Pesca e Aquicultura (Sepa/Sepror).

Crédito Emergencial – Os R$ 447 mil liberados como Crédito Emergencial para feirantes e agricultores familiares são resultado de uma parceria entre Afeam (Agência de Fomento do Estado do Amazonas), ADS e Idam.

“Isso é importante para que ele possa garantir a compra de semente, a compra de implementos e de outras estruturas, para que ele possa aumentar a produtividade dele”, pontuou Wilson Lima.

Os feirantes de Iranduba ainda podem procurar a equipe técnica da ADS para acessar a linha de financiamento da Afeam, munidos dos seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de residência, dados bancários e declaração de feirante cadastrado na ADS. Os limites de financiamento podem chegar ao valor de R$ 21 mil, sendo que até R$ 5 mil não é necessário apresentar avalista.

Além disso, a adesão ao Crédito Emergencial proporciona aos feirantes e produtores uma linha de financiamento com até 180 dias para começar a pagar, com a menor taxa de juros anual do país, que é equivalente a 6%.

“Vai ajudar muito porque eu trabalho com a Afeam já há dois anos e foi muito bom na minha vida. Foi por isso que eu tentei de novo o crédito, para ajudar na agricultura, na minha família, porque agora com essa pandemia tivemos um pouco de dificuldade”, afirmou a agricultora Cristina Cardoso.

Plantação de pitaya – No município de Iranduba, o governador também visitou uma plantação de pitaya, localizada no quilômetro 10 do ramal do Janauari. A produção no local é de, aproximadamente, uma tonelada por ano.

A ADS possui duas Feiras de Produtos Regionais no Iranduba, sendo uma na região urbana, que funciona toda sexta, das 6h às 12h, e outra no ramal do Janauari, que funciona aos sábados e domingos, das 6h às 12h. O programa do Governo do Estado beneficia diretamente 60 feirantes no município.

 

Fonte – Secom

Foto – Divulgação

 

Deixe uma resposta