Governo do Amapá capacita moradores de quilombo com incentivo à produção de peixes

Notícias

O Governo do Estado, através do Instituto de Desenvolvimento Rural do Amapá (Rurap), vem desenvolvendo um projeto em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), voltado para a melhoraria da atividade de produção de peixes em localidades do interior, cujo objetivo é o desenvolvimento social e econômico dessas comunidades.

Na comunidade quilombola Mel da Pedreira, localizado a 40km da capital, Macapá, os moradores foram contemplados com um curso de piscicultura. O presidente da Associação de Moradores do Quilombo, Jacob Fortunato agradeceu os órgãos envolvidos na realização da capacitação para os moradores.

“Nossa comunidade trabalha de forma organizada, e este é apenas o início do nosso crescimento. Procuramos nos aperfeiçoar cada vez mais, quero agradecer e em nome da comunidade o Governo do Estado e o Sebrae por nos proporcionar este momento”, comemorou.

O técnico do Rurap, Francisco Pereira, explicou que o curso de 40h iniciou em janeiro deste ano e beneficiou 24 moradores e empreendedores rurais da comunidade.

“Eles aprenderam técnicas e metodologias para escolher melhor as áreas para escavação e preparação dos tangues, assim como a manutenção e manejo dos peixes”, comentou o técnico.

O vice-governador do Amapá, Jaime Nunes, fez a entrega dos certificados de conclusão do curso para os moradores da comunidade que participaram do projeto. Ele destacou a importância da pesca e o incentivo do Governo ao setor.

“Através do conhecimento é que se cresce. A comunidade será uma referência nas suas produções locais. Os moradores agarraram a oportunidade, ampliando e atualizando seus conhecimentos, no intuito de melhorar cada vez mais a qualidade na produção de pescado e suas rendas”, avaliou Nunes.

O Governo do Amapá irá continuar dando suporte aos moradores por meio das visitas técnicas, dado a necessidade de tratamento da qualidade da água e sanidade dos peixes.

O Quilombo do Mel da Pedreira possui uma área de vegetação serrana e é ladeado pelo rio Pedreira. No local moram aproximadamente 100 famílias. Além da piscicultura, os moradores também produzem mel.

 

 

Fonte – Governo do Amapá

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta