Chile abre mercado para limão taiti Brasileiro

Notícias

Começou bem o ano de 2022, para os produtores de limão taiti brasileiro, pois o Chile acaba de abrir o mercado para importação da fruta. A Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frutas e Derivados (ABRAFRUTAS) juntamente com o Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA) obtiveram êxito nas tratativas em um curto espaço de tempo, visto que normalmente o processo é sempre demorado.

O diretor internacional da Abrafrutas, Luiz Eduardo Rafaelli, avalia o mercado chileno como promissor em dois pontos. Em 2021 o Chile importou cerca de 5 milhões de dólares em limão e a expectativa é alcançar 50% deste mercado. Outro ponto é que as exportações para este país diminuirão a dependência do Brasil com o mercado europeu.

Se posicionar no mercado será um dos desafios a ser enfrentado, segundo o diretor, pois o Brasil terá que oferecer um limão de qualidade com custo mais acessível para se manter competitivo frente a outros, como o Peru que já exporta com custos mais baixos no que se refere a logística.

“É UM MERCADO PEQUENO, PORÉM INTERESSANTE, FORTE E PUJANTE. ACREDITAMOS QUE TEREMOS DESAFIOS, PORÉM SERÁ BOM E INTERESSANTE PARA O SETOR”, DISSE RAFAELLI.

Rafaelli conta que a abertura do mercado chileno para o limão brasileiro é um assunto antigo, porém em uma conversa com demais diretores da Associação, o assunto foi retomado e discutido junto ao Mapa em 2019, que rapidamente tomaram as providências necessárias para abri-lo. Ele ressalta a força e a boa representatividade da Associação que esteve a frente deste e de outros processos de abertura de mercado.

Segundo dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo (Cepea-Esalq/USP), o limão taiti representa 98% dos envios brasileiros de cítricos ao exterior, sendo este o terceiro produto na pauta de exportação de frutas brasileiras.

“COMEÇAR O ANO COM ESSA NOTÍCIA É MUITO GRATIFICANTE PARA NÓS DA ABRAFRUTAS, RESULTADO DE UM BOM TRABALHO REALIZADO. O BRASIL VIVE UM BOM MOMENTO NO MERCADO DE EXPORTAÇÃO DE FRUTAS, POR ISSO ESTAMOS MUITO CONTENTES. DAQUI EM DIANTE TEMOS MUITO QUE COMEMORAR, SEM ESQUECER DE INTENSIFICARMOS AINDA MAIS NOSSOS TRABALHOS, ABRINDO OUTROS NOVOS MERCADOS E OFERECENDO FRUTAS DE QUALIDADE. ALÉM DISSO, CONTINUARMOS A GERAR MAIS EMPREGO O QUE FAVORECE NO DESENVOLVIMENTO DO PAÍS”, AFIRMOU GUILHERME COELHO, PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO.

No final de 2022, representantes da Abrafrutas juntamente com produtores de limão estiveram no Chile para conhecer as particularidades do mercado local, bem como os requisitos para exportação, exigências de qualidade, logística e etc.

A missão comercial fez parte das ações realizadas pela Abrafrutas, por meio do Projeto Frutas do Brasil, em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) na busca por novos mercados e ampliação dos existentes, com o objetivo de diminuir a dependência das exportações para locais como União Europeia, Reino Unido e Estados Unidos que, atualmente, detém cerca de 85% do total de frutas exportadas pelo Brasil.

O PROJETO SETORIAL FRUTAS DO BRASIL

A ABRAFRUTAS, em parceria com a Apex-Brasil, desenvolve um projeto de apoio aos exportadores brasileiros na busca por ampliação dos negócios; abertura de novos mercados; reconhecimento e diferenciação das frutas brasileiras; aumento do saudável hábito de consumir frutas saborosas e com qualidade superior.

Iniciado em 2014, o projeto Frutas do Brasil tem o objetivo de mostrar que o Brasil é provedor de frutas doces e saborosas.

 

 

Fonte – Abrafrutas

Foto – Divulgação

Deixe um comentário