Câmara Municipal Gaúcha, sanciona lei que declara cooperativa Coomcat entidade de utilidade pública

Notícias

O vereador Luizinho Ruas (PTB) da cidade de Santa Cruz do Sul, está comemorando a sansão do prefeito Telmo Kirst à lei de sua autoria que declara de utilidade pública a Cooperativa de Catadores e Recicladores de Santa Cruz do Sul (Coomcat). O projeto havia sido aprovado há alguma sessões pelo Poder Legislativo e aguardava a sansão do Executivo.

Segundo Ruas, este o reconhecimento oficial de utilidade pública é uma forma do município e da comunidade santa-cruzense manifestar sua gratidão pelos relevantes e importantes serviços prestados pela Coomcat. “A declaração de utilidade pública abre muitas portas para a entidade, que faz um trabalho essencial dentro da estrutura da nossa cidade. É preciso valorizar isso”, observou.

A Cooperativa de Catadores e Recicladores de Santa Cruz do Sul (Coomcat) foi constituída no ano de 2010, através da luta das catadoras e catadores da Associação Ecológica de Catadores de Materiais Recicláveis (ASECMAR), pelo reconhecimento e valorização do trabalho.

A associação contou com o apoio do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), organização que busca contribuir par a construção de sociedades justas e sustentáveis a partir da organização social e produtiva dos catadores e suas famílias.

Atualmente, a Coomcat é integrada por 52 associados e atua no Programa Municipal de Coleta Seletiva Solidária, na prestação de serviços de logística reversa solidária e gestão da Usina Municipal de Triagem.

As cooperativas de reciclagem desenvolvem o processo de tratamento dos materiais recicláveis e os enviam às empresas recicladoras.

A Reciclagem é o reaproveitamento das matérias primas descartadas. A palavra reciclar significa diminuir a quantidade de resíduos provenientes dos produtos consumidos pelo homem.

O termo “Reciclagem” tem como origem a língua inglesa no qual “re” significa repetir e “cycle” corresponde à ciclo. Portanto, reciclagem é “repetir o ciclo”.

O processo de Reciclagem no Brasil remonta mais de 100 anos, as primeiras indústrias a reutilizarem a matéria prima foram as indústrias de celulose. Com o passar do tempo, o conceito foi se expandindo e hoje a reciclagem é um tema que faz parte da consciência ambiental e cidadã.

Embora o sistema de reciclagem seja pontual, não ocorre em todos os municípios brasileiros.

Além de serem reaproveitados e transformados em novas embalagens e produtos, o conceito de reciclagem estende-se à arte e ao artesanato atribuindo maior valor ao produto artístico uma vez que hoje em dia, a palavra de ordem é “reutilizar”.

Fonte – Câmara Municipal de Santa Cruz do Sul

Edição – Coopnews

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta