Cooperativas brasileiras estão imunes à crise econômica

Notícias

Alguns números provam que as cooperativas continuam sólidas e atrativas. Elas mantêm o mesmo nível de emprego para 372 mil trabalhadores e beneficiam direta ou indiretamente 51,6 milhões de pessoas.

As cooperativas de crédito são as únicas instituições financeiras em 564 municípios brasileiros; as de eletrificação atendem a 807 municípios e 38% dos brasileiros que têm assistência médica são atendidos por cooperativas de saúde.

As cooperativas transportam 428 milhões de toneladas de produtos por ano e 48% de toda produção agrícola brasileira; quase a metade passa, de alguma maneira, por uma cooperativa agropecuária.

O volume de recursos movimentados pelas exportações realizadas por 240 cooperativas brasileiras soma US$ 5,137 bilhões. O destino dessas exportações são 147 países. Os dados foram revelados pela revista Expressão do Cooperativismo Gaúcho 2017.

O professor Marcelo Botelho da Costa Moraes, da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (Fearp) da USP, afirma que as cooperativas ficam mais imunes às crises econômicas porque possuem estruturas mais maleáveis que as empresas e chegam até a absorver parte da mão de obra desempregada, principalmente na área de serviços e agropecuária.

 

Fonte – Jornal da USP

One thought on “Cooperativas brasileiras estão imunes à crise econômica

  • I’m impressed, I need to say. Actually not often do I encounter a weblog that’s both educative and entertaining, and let me inform you, you’ve got hit the nail on the head. Your idea is outstanding; the problem is something that not enough individuals are speaking intelligently about. I am very glad that I stumbled across this in my search for one thing referring to this.

Deixe uma resposta