Em Manaus, Sebrae realiza Semana para promover conhecimento sobre crédito e renegociação de dívida dos empreendedores

Notícias

O Sebrae no Amazonas oferece gratuitamente, de 26 a 30 de novembro deste ano, um conjunto de serviços de consultoria em gestão financeira e contábil, atendimento para renegociação de dívidas, cursos e palestras voltados para quem deseja acessar linhas de crédito, objetivando financiar abertura de novos negócios, reformas, compra de equipamentos ou obtenção de capital de giro.

Trata-se da Semana Nacional do Crédito, uma iniciativa do Sistema Sebrae que acontece simultaneamente em todo o Brasil e tem por objetivo promover a educação financeira de empreendedores, assim como facilitar, por meio de informações técnicas e especializada, o acesso desse público às linhas de financiamento ofertadas por bancos públicos e privados de fomento aos micro e pequenos negócios. Os serviços também incluem atendimento especializado para empreendedores que precisam renegociar dívidas junto a instituições financeiras.

Em Manaus, as atividades estarão concentradas na sede, rua Leonardo Malcher, Centro. Informações e inscrições pela Central de Atendimento ao Cliente 0800 570 0800.

De acordo com a analista técnica do Sebrae no Amazonas, Claudete Cunha, as consultorias irão ocorrer o dia inteiro, sempre das 8h às 17h, com a presença de técnicos do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco da Amazônia e da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam), e de parceiros financeiros do Sebrae.

Já a partir do dia 27/11, ocorrem as palestras, mas os atendimentos e consultorias continuam. Haverá, ainda, opções de cursos pela internet, oferta de material informativo, entre outras opções de conhecimento especializado em finanças para micro e pequenas empresas.

“A Semana Nacional do Crédito é um grande movimento que fazemos para atender especificamente empreendedores que precisam saber como acessar financiamento ou até mesmo renegociar dívidas. O Sebrae sabe que se trata de um assunto importante e muito demandado pelos empreendedores de todos os segmentos de negócios”, explica a analista Claudete Cunha.

Fonte- Sebrae/AM

Foto – Divulgação