Premiação Nacional reconhece ações de educação empreendedora em escolas e universidades do Amazonas

Notícias

Na próxima terça-feira (09), a partir das 9h, o Sebrae apresenta, em Manaus, as informações e detalhes do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora (PSEE), o qual tem por objetivo premiar e reconhecer iniciativas de fomento ao empreendedorismo em escolas de nível fundamental, médio, técnico e universidades, do setor público ou privado. A Premiação é composta de etapas estaduais, regionais e nacional.

Na ocasião, que vai acontecer na sede do Sebrae no Amazonas, no Centro, zona Sul da capital, o economista e especialista em marketing, Durval Braga, vai proferir palestra sobre a ‘A nova Educação Criativa e Empreendedora ’ para gestores, professores, diretores, coordenadores, reitores de escolas e universidades.

A coordenadora estadual do PSEE no Amazonas, analista técnica do Sebrae/AM, Gisele Pinto, reforça que todas as informações do Prêmio, incluindo os campos para inscrição e participação já podem ser acessados no site  . Para validar a participação, segundo explica a analista, o educador (ou equipe autora da ação) precisa preencher os campos, incluindo um relato sobre a iniciativa empreendedora (de no mínimo 32 linhas e no máximo 72 linhas) e fazer a sua auto avaliação (10 perguntas).

“Depois de feito o relato, a inscrição chega para nós e a partir daí procedemos o julgamento de cada relato, buscando identificar quais os melhores casos de sucesso empreendedor na educação do Estado”, esclarece Gisele.

A inscrição é gratuita podem ser feitas até o dia 26 deste mês. A premiação estadual será um troféu de reconhecimento para cada vencedor da respectiva categoria. Ao todo, são quatro categorias, distribuídas como melhor iniciativa de educação empreendedora em escola de Ensino Fundamental, escola de Ensino Médio, escola de Ensino Técnico Profissional e Ensino Superior.
Educação Empreendedora pelo País

O Programa Nacional de Educação Empreendedora vem sendo implementado pelo Sebrae desde 2013. Nesses cinco anos, o número de capacitações realizadas pelo Programa soma mais de 4 milhões e 200 potenciais empreendedores e 165.498 professores, além de 9.077 instituições parceiras atendidas em todo país. Somente ano passado, foram 958.881 empreendedores e 45.673 professores.

Fonte – Sebrae/Am

Foto – Divulgação