Presidente do Sebrae afirma que a solução para os problemas do país passa pela política

Notícias

A solução para os problemas brasileiros, inclusive na área econômica, acontecerá principalmente por meio do processo de mudanças na representação política, afirmou nesta segunda-feira (30) o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos. “É preciso que as pessoas de bem tenham a mesma audácia dos aventureiros. E hoje há muitos aventureiros no Brasil. Por isso, é importante que a mudança ocorra através da participação política”, ressaltou.

Afif encerrou nesta segunda o evento “Mitos & Fatos – Jovem Pan discute o Empreendedorismo”, realizado em São Paulo. Ele defendeu uma mudança no sistema eleitoral brasileiro para que o processo tenha mais representatividade, com a implantação do voto distrital misto, ainda que seja para vigorar a partir da eleição de 2020.

O presidente do Sebrae ressaltou as dificuldades para se empreender no Brasil, apesar dos avanços verificados nos últimos anos. “O ambiente ainda é hostil para os empreendedores brasileiros”, disse ele, lembrando as dificuldades criadas pela burocracia estatal, dificultando a vida dos empreendedores e dos cidadãos “Temos que soltar a nação e prender o Estado”, disse.

No evento, Afif apresentou um vídeo mostrando que os conceitos defendidos por ele em 1988, apontando as distorções da economia brasileira, continuam basicamente os mesmos: excesso de poder de caixa do governo, companhias estatais e empresas privadas incompetentes e protegidas, e uma classe política que se apropria da máquina pública. De acordo com Afif, a solução parte da integração da base da pirâmide produtiva, unindo trabalhadores e empresários. “O Brasil de cima para baixo não deu certo. Tem que ser de baixo para cima”, defendeu.

A série Mitos & Fatos, promovida pela Joven Pan, está em sua quinta edição. O projeto tem como objetivo oferecer à sociedade uma discussão sobre temas relevantes no atual cenário brasileiro, como é o caso do empreendedorismo, abordado no evento desta segunda-feira, aberto pelo publicitário Nizan Guanaes, sócio-fundador do Grupo ABC de Comunicação. Ao longo das palestras e painéis foram abordados temas como: “Inovação: O que as startups ensinam para as grandes empresas?”; “Brasil: burocracia e falta de financiamento podem matar o empreendedorismo?” – que contou com a participação do superintendente do Sebrae São Paulo, Bruno Caetano -; “As lideranças femininas que inspiram empreendedoras”; “Empreendedorismo na Educação: empreendedorismo se aprende na escola?”.

 

Fonte – Sebrae

Deixe uma resposta