Tecnologia análoga a Palavra de Deus

Ciência e Tecnologia

VÍRUS

Provavelmente, a primeira vez que você percebeu que algo estava errado com seu computador, não deu a devida importância. Talvez a seta do cursor do seu mouse tenha se movido para todos os lados sem que você estivesse mexendo nele. Logo depois, o problema ficou ainda mais grave, pois seu equipamento reiniciou sem que você tivesse dado o comando. E então uma mensagem de erro apareceu na tela do seu monitor e, por fim, os programas de seu computador ficaram tão lentos que você não conseguia concluir nenhuma de suas tarefas.

Numa situação destas você, como muitos, procurou solucionar o problema, mas sozinho, provavelmente teve pouco sucesso. Não obstante, a solução seria levá-lo a um técnico especialista, uma assistência, para que verificassem o que havia ocorrido e efetuassem o reparo. É interessante destacar que estes casos são mais comuns do que parece, e como de praxe numa assistência técnica, o diagnóstico de verificação de vírus é um dos itens a ser executado. Sua máquina estava completamente infectada e não podia mais ser reparada sem formatá-la.

Em outras palavras, seu computador não prestava mais. Para alguns, lá se foi uma vida, planilhas, arquivos, fotos, vídeos, lembranças, documentos importantes que fazem muita falta.

Podemos claramente fazer uma analogia disso com o primeiro livro da Bíblia. Num primeiro momento pode até não fazer muito sentido, mas você perceberá que faz. Por exemplo, quando lemos o livro de Romanos escrito por Paulo de Tarso no capítulo cinco e versículo doze, detectamos que Adão e Eva ao acessarem o fruto proibido, na esperança de uma recompensa (trojan) quebraram o princípio de infectibilidade, atingindo com este ato, todo programa divino, infectando a partir daí toda a espécie humana com o vírus do pecado. Desde então, todas as pessoas que nascem, nascem infectadas com a chaga desta transgressão de Adão e Eva. (Gn 3; Co. 15. 22; Rm 3. 23; 6. 23).

Na harpa judaica da nação israelita, “os Salmos”, encontramos no cântico de número cinquenta e um e versos cinco, o estado que aquele acesso inconsequente trouxe para toda a humanidade, pois assim como um vírus de um computador afeta profundamente todo o sistema, assim o pecado afetou todas as estruturas e dimensões existenciais de nossas vidas, carecendo abruptamente de uma intervenção e de um antivírus (Palavra de Deus) que de imediato constatou o problema e uma formatação (Jesus).

BIG DATA E ANALYTICS

A tecnologia tem transformado nosso mundo, há um tempo atrás éramos todos analógicos, porém de analógicos nos tornamos digitais, passamos de fios para o sem fios (Wi-Fi, Bluetooth, infravermelho, laser e tantas outras), de botões físicos para telas sensíveis ao toque, e destas telas para apenas gestos.

Há uma geração nascida com conhecimentos e experiências incríveis proporcionadas pela tecnologia. O crescimento e a velocidade com que os dados e informações crescem é absurdamente surpreendente e nós somos qualificados e plenamente capazes de nos adaptarmos às mudanças que nos atingem.

Tendo acesso à internet as coisas ficam fáceis, começamos a entender que não precisávamos mais de certas coisas. Estando online consumimos serviços, músicas, vídeos, textos, filmes, histórias, opiniões, notícias, política e centenas de outras categorias e subcategorias, cada uma com seu público alvo e com um vasto conteúdo de informações que de alguma forma podem ser acessadas. Em resumo, assim é a internet.

Imagine que cada pedaço de dado criado é formado como uma simples molécula de água, que conjunta com outras, dá acesso a vida. Se fizermos uma analogia neste sentido, podemos dizer que a internet é como um vasto mar.

E mais uma vez encontramos novamente correlação com a sabedoria sagrada, pois no livro de Apocalipse, estudiosos e teólogos usam uma referência futura no capítulo dezessete e versículo quinze das “águas” para entender e descrever o “mar”. (Ap. 17. 15; 13:1). Não citarei todo o texto, mas a analogia com a tecnologia é fácil de entender, veja: “E disse-me: As águas que viste, onde se assenta a prostituta, são povos, e multidões, e nações, e línguas.” (Ap. 17:15) . Em outras palavras, podemos interpretar as “águas” ou o “mar” como uma referência às pessoas do mundo, pessoas que usam tecnologia diariamente, que se conectam e saem do off-line para o on-line em segundos, pessoas que geram dados, informações e conhecimento.

Há um emaranhado gigantesco de dados produzidos diariamente. O progresso da tecnologia e da ciência por vezes é inimaginável, algumas coisas são previsíveis, mas muitas ainda há de serem descobertas e implementadas. A tecnologia transforma a vida das pessoas a tal ponto que nem paramos para pensar nisto.

No livro de Eclesiastes 11.4 diz que “quem fica esperando que o vento mude e que o tempo fique bom nunca plantará, nem colherá nada”. Isso nos faz acordar e ver que a análise de dados é essencial, faz parte da estratégia da empresa, agir, adotar ações, analisar para mudar o futuro e não ficar apenas respondendo perguntas para entender o que aconteceu, mas sim adotar medidas para fazer acontecer. Ficar esperando não muda nada, mas analisar com detalhes e aproveitar ao máximo os dados e recursos de tecnologia como o Analytics Intelligence, pode gerar vantagens para os negócios.

INFRAESTRUTURA

Considerada como a espinha dorsal de uma organização, vai do simples cabeamento até a plataforma em nuvem que suporta todo o negócio.

Na área de tecnologia, a infraestrutura pensada para garantir a continuidade do negócio, é desenvolvida, implementada e projetada de forma a atender normas e certificações. O cabeamento e os dispositivos de rede, quando planejados para suportar o crescimento da organização dão rapidez no diagnóstico de problemas.

Na segunda carta de Paulo a igreja de Corinto, está escrito: “Porque nós não prestamos atenção nas coisas que se veem, mas nas que não se veem. Pois as que podem ser vistas duram apenas um pouco, mas as que não se podem ver, duram para sempre”. (2 Co 4:18). Fazendo uma analogia com a tecnologia, vamos pensar no simples cabeamento, por vezes invisível, estendido por debaixo do piso elevado, ou em calhas acima das nossas cabeças.

A certificação do cabeamento estruturado é sinônimo de um planejamento bem feito para permitir mudanças futuras, alterações ou acréscimos, e logicamente, mantém um nível elevado de confiança da estrutura. Ao certificar o cabeamento, em alguns casos, é possível estender a garantia em até vinte e cinco anos, sendo este tempo uma eternidade para muitas organizações, é quase como durar para sempre.

No Brasil, há normas e padrões para certificar o cabeamento estruturado, isso é feito com equipamentos e pessoas especializadas, os quais testam e atestam por exemplo: comprimento do cabo, pinagem, sinais elétricos, transmissão de pacotes, atenuação, impedância, diafonia etc.

Tecnologia com resiliência atrelada à estratégia da organização é algo que faz parte da rotina de empresas com visão de crescimento, pois sabe-se muito bem que as mudanças tecnológicas no mundo são constantes, sendo necessário proporcionar um ambiente mais robusto. Pense nisso quando for planejar seu próximo projeto.

INTERNET

A internet está presente em nosso cotidiano, nas vidas profissional e pessoal. Atualmente, a grande maioria dos acessos acontece por dispositivos móveis, principalmente smartphones e até mesmo em relógios do tipo Smart Watch, TVs, alguns eletrodomésticos e em Centrais Multimídias de veículos.

É muito difícil imaginar como seria a vida sem poder usufruir das diversas facilidades e oportunidades trazidas por essa tecnologia. Por meio da internet, mantemos contato com família, amigos, nos relacionamos no meio corporativo, encontramos pessoas, empresas, segmentos e serviços, acompanhamos notícias, participamos de cursos e nos capacitamos, gerenciamos a vida financeira, compramos, investimos, emitimos documentos, ou seja, tudo hoje é facilitado e agilizado por meio do uso da internet.

A melhor sugestão sobre o uso da internet foi feita a mais de 1.900 anos antes do surgimento dela. Na epístola de Paulo escrita aos Filipenses ele disse: “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento”. (Fp 4. 8).

O texto reflete claramente a preocupação que devemos ter em relação ao que ouvimos, falamos, assistimos e acessamos. Na internet, estamos passíveis de nos tornarmos vítimas de criminosos, que normalmente visam causar danos e prejuízos a pessoas e instituições, captando dados e informações a fim de obter vantagens indevidas e até mesmo extorquir. Os criminosos agem fazendo com que tudo se pareça normal e vantajoso, mas na realidade é uma enganação, uma falsificação. Estejam cientes de que criminosos não agem com ética e boa conduta! (Pv 28. 5).

É importante adotar os mesmos cuidados e as mesmas preocupações que devemos ter no dia a dia, como visitar apenas lojas confiáveis, não deixar público dados sensíveis, ficar atento quando “for ao banco” ou “fazer compras”, ao passar informações a estranhos e não “deixar a porta da sua casa aberta”. É inadmissível não ter no mínimo um bom antivírus no computador ou dispositivo móvel, assim como é inadmissível acessar sites com conteúdo impróprio. Além de imoral, esses sites normalmente são os principais responsáveis por infectar e disseminar vírus.

Não deixe que as maravilhas da tecnologia roubem de sua vida e de sua família a tranquilidade, paz e segurança. “Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios e sim como sábios, remindo o tempo, porque os dias são maus”. (Efésios 5:15-16).

 

Fonte – IT Forum

Foto – Tres

Deixe uma resposta