Construções próximas a rede elétrica aumentam riscos de acidentes

Variedades

Com o intuito de conscientizar a população e os profissionais da construção civil sobre os riscos com a rede elétrica, a Equatorial Energia Pará faz um alerta dos cuidados necessários para evitar acidentes. Dede o ano passado, a distribuidora já contabilizou 17 acidentes no Estado. Os casos registrados geralmente envolvem o descumprimento das normas de segurança na construção civil e o manuseio da rede elétrica por pessoas que não estão habilitadas.

A empresa chama atenção que ao realizar qualquer obra em residências ou estabelecimentos comerciais, é muito importante estar atento aos procedimentos de segurança, pois além de ocasionar interrupção no fornecimento de energia, os acidentes resultam em choques elétricos, que podem ser fatais.

Antes de dar início a construção, é necessário planejar o trabalho observando sempre a localização da rede elétrica e o tipo de material que vai ser utilizado. Alguns parâmetros devem ser cumpridos de forma rigorosa para garantir a segurança, como manter uma distância de, no mínimo, 1,7 metro da fiação elétrica. Se o imóvel possuir dois pavimentos e sacada, a distância aumenta para 3,0 metros.

O executivo de segurança da Equatorial Energia Pará, Alex Fernandes, alerta que somente profissionais qualificados devem ser contratados para a execução das obras. “É imprescindível a utilização de equipamentos de proteção individual (EPIs) por todos os trabalhadores e sempre obedecer a distância mínima estabelecida pelo código de obras de cada município e pelas normas técnicas. Por isso a importância de contratar alguém habilitado e que conheça as regras”, destaca o executivo.

Todo material condutor de energia, como vergalhões e barras de ferro, precisa ser manuseado com muito cuidado para estar sempre afastado da rede. O uso indevido de escadas e cordas também são origem de muitos acidentes. Outros cuidados também devem ser levados em conta:

– Evite qualquer tipo de serviço próximo à rede elétrica. Dependendo do nível de tensão, não é necessário tocar a rede para levar descarga;

– Não instale antenas próximas à rede de energia ou para-raios;

– Não use extensores ou cabos ao realizar pintura de faixadas, pois eles podem ficar próximos ou tocar a rede elétrica;

– Ao manusear vergalhões, barras de ferro, telhas e outros materiais, fique atento para que as pontas não se aproximem das redes elétricas;

– A utilização de andaimes deve ser planejada com cuidado, com sinalização correta;

– Não utilize benjamim ou T para ligar equipamentos na tomada para evitar sobrecarga e curto-circuito.

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta