Equatorial Pará vai substituir geladeiras de famílias vítimas de enchentes em Marabá

Variedades

A Equatorial Energia Pará vai realizar nesta sexta-feira (25) a troca de geladeiras de 150 famílias baixa renda de Marabá, sudeste do Estado, que foram atingidas pela enchente durante o período chuvoso do início do ano. A carreta com as geladeiras ficará estacionada na Avenida Marechal Deodoro, ao lado da Colônia dos Pescadores, logo às 7h da manhã. De lá, as equipes sairão em carros menores para realizar a substituição de porta em porta dos clientes selecionados.

A ação faz parte do programa de Eficiência Energética E+ Geladeira Nova. As famílias foram selecionadas a partir de uma listagem repassada pela Defesa Civil a pedido da prefeitura municipal. Equipes da distribuidora estiveram em Marabá fazendo uma pesquisa com as comunidades atingidas para saber quais famílias estavam aptas e tinham interesse em fazer a troca.

Os atendimentos das equipes cumprirão todas as normas de segurança de combate ao coronavírus, com uso de máscaras, luvas, botas e álcool em gel. Para evitar o acesso a parte interna dos imóveis, as famílias foram previamente orientadas a deixar as geladeiras antigas na frente das casas.

O líder da área de Eficiência Energética da Equatorial Pará, Willian Melo, destacou a importância de ações como essa para as famílias baixa renda. “A troca de geladeiras é um projeto que a Equatorial já trabalha todo o Estado. Mas pela primeira vez, tivemos a oportunidade de levar esses novos eletrodomésticos exclusivamente para as famílias atingidas pelas enchentes. Nós sabermos a importância e o conforto que uma geladeira em bom estado tem para uma família, além de contribuir com a economia na conta de luz. Estamos muito felizes em poder levar esse projeto agora para Marabá”, destaca o líder.

E+ Geladeira Nova

O projeto E+ Geladeira Nova troca as geladeiras de clientes baixa renda por meio do Programa de Eficiência Energética da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL. As geladeiras entregues pela distribuidora possuem o selo A do Procel e economizam até 40% de energia em relação a um equipamento ineficiente. Em julho, o projeto trocou as geladeiras de 69 famílias em Tucuruí e de 100 famílias em Paragominas.

 

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta