Subestação de energia de Santana do Araguaia vai ser inaugurada em dezembro

Variedades

Com o objetivo de aumentar a capacidade do fornecimento de energia e melhorar a confiabilidade no sistema elétrico, a Equatorial Energia Pará segue de forma acelerada com as obras da primeira subestação de energia do município de Santana do Araguaia, localizado na região sul do Estado. Os trabalhos já estão nas fases finais e a previsão é que seja entregue à população no mês de dezembro.

No local, estão sendo implantados dois transformadores de energia, um com 30MVA e outro com 15MVA de potência, o que significa que é suficiente para atender aos mais de 40 mil habitantes da região com energia de qualidade e ainda estimular investimentos na cidade e o seu crescimento. O investimento total da empresa no referido empreendimento é de cerca de R$ 24,3 milhões, sendo que somente na subestação fica na ordem de R$ 12,1 milhões.

O grande destaque e importância dessa obra se deve ao fato de que Santana do Araguaia é o único município da região sul do Pará que ainda pertence ao Sistema Isolado. Ou seja, a energia que chega até à população da cidade é gerada em uma usina a diesel.

Com a entrega da subestação, a cidade será conectada ao Sistema Interligado Nacional, que é o sistema de produção e transmissão de energia elétrica do Brasil. Após isso, a usina a diesel será desativada, eliminando qualquer risco ambiental que esse tipo de geração pode causar.

Para o diretor da área de Operações Técnicas da Equatorial Pará, Alexandre Joaquim Cardoso, com energia de qualidade amplia-se a oferta de emprego e renda na região, já que grandes investidores ficam mais confiantes em levar empreendimentos à cidade. “A construção dessa subestação contribui para a qualidade de vida da população. A energia será mais confiável, melhorando a percepção do cliente quanto aos nossos serviços. Além disso, abre portas para que grandes fábricas e indústrias se instalem, pois conseguiremos oferecer o suporte necessário de energia”, destaca.

Casa de Tábua – O distrito de Casa de Tábua, em Santa Maria das Barreiras, que fica distante 110 quilômetros de Redenção, também será beneficiado com a chegada da nova subestação de energia. A localidade hoje é atendida pela subestação de Redenção, porém, após a conclusão das obras, passará a ser energizada pela subestação de Santana do Araguaia. Essa mudança permitirá que o distrito receba uma energia de maior confiabilidade.

Função das subestações – No setor elétrico brasileiro existem as geradoras e as transmissoras, que é por onde a energia, vinda de diversos cantos do Brasil, passa antes de chegar às distribuidoras. Ou seja, a eletricidade percorre um sistema de transmissão que começa nas grandes usinas até chegar às subestações. No caso do Pará, a distribuidora é a Equatorial Energia e as subestações da empresa são responsáveis pelo início da distribuição da energia. Elas funcionam como pontos de entrega para os consumidores. Quando essa energia chega às subestações, os transformadores fazem o aumento ou diminuição de tensão para adequá-la ao consumo dos clientes.

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta