Novembro Azul: o ovo e seus benefícios para a saúde do homem

Variedades

Todos os anos durante o mês de novembro, é trabalhada a campanha do “novembro Azul”, um período dedicado à saúde do homem — trabalho de conscientização para que ele cuide de sua saúde e faça exames preventivos relacionados ao câncer de próstata.

A saúde do homem ganhou destaque na contemporaneidade devido aos altos índices de morbimortalidade dessa população, evidenciados por estudos epidemiológicos, onde é possível constatar a menor expectativa de vida masculina quando comparada a feminina (1).

A posição de provedor e a rejeição de um possível adoecimento são alguns fatores relacionados a falta de cuidado e a dificuldade em reconhecer suas necessidades. (2). O “stress” gerado pela pressão do dia a dia, alimentação irregular, alterações de sono, sedentarismo são fatores que alteram o metabolismo e pode provocar doenças ao longo da vida.

Homem, como anda a sua saúde?

A prática de exercícios físicos aumenta a liberação de serotonina e endorfina, neurotransmissores relacionados ao bem-estar (3) e assim reduz a ansiedade. Além disso, o exercício pode favorecer a perda de peso, melhorar a glicemia, a função cardiorrespiratória.

Entretanto, exercícios físicos associados a dieta balanceada são fundamentais para a promoção da saúde. Cada vez mais os estudos científicos comprovam que além de vitaminas, minerais e fibras, os compostos bioativos atuam na redução de processos inflamatórios, são capazes de prevenir doenças e promover saúde (4).

Sabia que o ovo é um grande aliado para prevenção de doenças?

O ovo pode contribuir de forma muito eficiente com a alimentação equilibrada, pois é de fácil aceitação e preparo, além de compor receitas e agregar nutrientes a preparação. A presença de luteína e zeaxantina presentes na gema podem colaborar com a saúde dos olhos. Estudos mostram que o consumo de ovos mantém elevadas a luteína e zeaxantina sérica capazes de melhorar a cognição (5). Além disso, o ovo possui de forma expressiva a colina, relacionada a cognição, fazendo bem para a memória e diminuindo mudanças no cérebro relacionados a demência.

Durante o ciclo de vida, o sedentarismo favorece a perda de massa muscular e a redução da ingestão de proteína em idosos, o que está relacionada a sarcopenia. Assim, o ovo contribui não só para o ganho, mas também para a manutenção da massa magra, afinal apresenta aminoácidos de cadeia ramificada fundamentais para o aumento da síntese proteica. (6)

O triptofano, com vitaminas B12, B6, ácido fólico, magnésio e todos os componentes do ovo favorecem a síntese de serotonina, neurotransmissor relacionado ao bem-estar e ainda promovem a melhor qualidade de sono.

Uma alimentação saudável e equilibrada pode favorecer a redução do “stress” e manter sob controle hormônios que atuam na saciedade e manutenção da glicemia. A combinação de carboidratos ricos em fibras de proteínas como o ovo, ácidos graxos mono e poliinsaturados encontrados em óleos garante uma melhor qualidade de vida.

Que esse mês dedicado aos homens, possa sensibilizar a importância da prevenção e do cuidado. Incluindo o ovo nas refeições, levando mais saúde para suas vidas.

Ovo, um alimento completo!

 

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação

Deixe uma resposta