Informe do cenário da Covid-19 no Amazonas, neste sábado (27/02)

Variedades

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), divulgou o Boletim Diário de Covid-19, edição de nº 330 na tarde deste sábado (27), os dados mostram o diagnóstico de 1.688 novos casos de Covid-19, totalizando 315.599 casos da doença no estado.

Segundo o boletim, foram confirmados 47 óbitos por Covid-19, sendo 31 ocorridos no dia 26/02 e 16 óbitos foram encerrados por critérios clínicos, de imagem, clínico-epidemiológico ou laboratorial, elevando para 10.831 o total de mortes no Estado.

Na capital, de acordo com dados da Prefeitura de Manaus, na sexta-feira (26/02), foram registrados 31 sepultamentos por Covid-19. O boletim acrescenta ainda que 35.626 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão sendo acompanhadas pelas secretarias municipais de saúde, o que corresponde a 11,29% dos casos confirmados ativos.

Banco de dados – O boletim diário é construído com as informações disponibilizadas diariamente pelas prefeituras municipais, todos os dias da semana, incluindo fins de semana e feriados.

Nesta edição, oito municípios não atualizaram o sistema de informação para consolidação dos dados do boletim. São eles: Amaturá, Apuí, Atalaia do Norte, Guajará, Itamarati, Juruá, Tapauá e Tonantins.

Óbitos – Entre pacientes em Manaus, há o registro de 7.676 óbitos confirmados em decorrência do novo coronavírus. No interior, são 61 municípios com óbitos confirmados até o momento, totalizando 3.155.

Avaliação de Risco da Covid-19 – Atualmente, as fases da situação epidemiológica de Covid-19 no estado estão representadas nas cores do cabeçalho do Boletim Diário de Casos de Covid-19 no Amazonas.

Para cada nível de risco há uma fase de ativação do plano de contingência, a qual estabelece medidas restritivas de atividades comerciais e sociais, de acordo com o Plano de Contingência Estadual.

A capital, Manaus, alcançou a fase vermelha de classificação. Contudo, os 61 municípios do interior encontram-se na fase roxa, que corresponde à classificação máxima de risco para transmissão de Covid-19.

 

 

Fonte – Secom

Edição – Coopnews

Foto – Divulgação

 

Deixe uma resposta