Agência de Economia Criativa inicia atividades culturais na zona Leste de Manaus

Variedades

Pais e mães que moram na zona leste de Manaus têm até o próximo dia 21 de julho uma opção de lazer diferenciada para os seus filhos. O ‘Espaço Feras’ do Shopping Grande Circular, em parceria com a Valendo – Agência de Desenvolvimento da Economia Criativa na Amazônia, está com o tema ‘Homem-Aranha’, em razão da estreia mundial do filme ocorrida no último dia 4. No local, o visitante tem acesso ao cosplay do super-herói onde ele pode fazer uma sessão de fotos com o personagem, games e também participar de uma oficina de tecido acrobático. A programação ocorre das 14h às 21h, no Shopping Grande Circular, situado na Av. Autaz Mirim, 1495, Bairro São José Operário, zona Leste.

A iniciativa visa proporcionar uma experiência real da magia da sétima arte para o público, segundo o coordenador da Valendo no Espaço Feras, Lincoln Cifer. “A gente quis trazer para as pessoas a ideia de como é ser um homem-aranha. Fizemos isso através da arte, que é o tecido acrobático. Crianças a partir de três anos de idade, jovens e adultos podem subir no tecido. Nessa oficina eles terão a sensação de como é ser um Homem-Aranha”, acrescentou.

O auxiliar de coordenação pedagógica e morador do bairro São José, André Nascimento, acompanhado da esposa, a professora Andreza do Nascimento, levou seus dois filhos para visitarem o espaço. De acordo com André, locais como esse são interessantes porque a região é carente de atrações diferentes, além de ser uma opção as crianças nessas férias.

“Eu acho algo bem interessante aqui para a nossa zona. Uma zona carente. Nem todo mundo tem dinheiro para ir em outros lugares para sair e se divertir com os filhos. A maioria das famílias aqui na zona leste, geralmente tem crianças de 5, 6, 7, 8 anos. Tendo um espaço de criatividade para a criança fazer alguma coisa diferente é algo mais chamativo”, disse o professor.

O filho do casal, o estudante Luiz Andre de apenas 9 anos, aprovou a atração. Ele participou da aula de tecido acrobático, sessão de fotos com o cosplay e da área de games. “É muito legal esse espaço de lazer e o Homem-Aranha é o meu super-herói favorito”, completou.

Lincoln ressalta ainda que o importante de ações como essas é deixar um legado. De acordo com ele, o espaço tem despertado interesse pela arte nas crianças. “Veio um pai aqui. Ele falou que a filha dele gostou tanto que no outro dia ela pediu para ir de novo. Ela veio e eles estão pensando em colocar ela em uma aula de balé. Isso é um resultado bem gratificante”, completou.

A oficina de tecido acrobático é ministrada pela CACompanhia, com membros de diversos cursos universitários. A oficina possui um custo de manutenção de R$ 5,00 e as outras atrações, coordenadas pela Keep – Geek e Tecnologia (empresa integrada à Valendo) são gratuitas.

Zona Leste – Essa é a segunda atividade realizada pela Valendo na zona Leste de Manaus. Na última sexta-feira (5), a Faculdade Salesina Dom Bosco foi palco da Festa Julina, promovida pela agência, que contou com apresentações de dança, shows musicais, grupo de quadrilha, feira de economia criativa e setor de gastronomia com muitas delícias de São João.

Segundo o diretor da Valendo, Beto Contartesi, a ampliação das atividades para as áreas mais distantes do centro é uma das metas da agência. “O segmento da economia criativa em Manaus é uma realidade em pleno crescimento. São protagonistas das áreas da música, da dança, da gastronomia, do empreendedorismo, que juntos movimentam uma cadeia e oferecem além de produtos, experiências. Diversificar o público é também oportunizar novas opções de lazer e democratizar o acesso ao que de melhor tem sido produzido na cidade”, explica Contartesi

 

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação