Frente Amazônica pelos Direitos Indígenas promove seminário sobre Direitos Humanos na Amazônia nesta sexta (29)

Variedades

A Frente Amazônica de Mobilização em Defesa dos Direitos Indígenas (FAMDDI) promove, nesta sexta-feira, 29.03, o seminário “Direitos Humanos na Amazônia – Indígenas, Quilombolas e Comunidades Tradicionais”, das 8h30 às 16h, na Escola Normal Superior – UEA, localizada na Av. Djalma Batista, nº 2470, bairro Chapada.

O seminário tem como objetivo aprofundar o debate, no atual contexto político, sobre os direitos básicos e fundamentais no contexto amazônico, além de propor iniciativas de defesa e garantias desses direitos.

De acordo com o coordenador da FAMDDI, professor Dr. Gersem Baniwa, a América Latina e o Brasil vêm passando por rupturas institucionais e implantação de politicas restritivas e de retrocessos nos direitos humanos, em especial os de minorias como as populações indígenas, quilombolas e comunidades tradicionais. Dessa forma, a realização do seminário visa favorecer a articulação e a capacidade de resistência e de luta dos setores sociais diante desse cenário de ataque frontal aos direitos humanos.

Aproximadamente 250 lideranças indígenas, de várias regiões do Amazonas, e lideranças quilombolas, já confirmaram presença no evento. Nos dias 1 e 2, os indígenas participam ainda do Encontro de Formação, que acontece no município de Careiro da Várzea (a 23,4 quilômetros de Manaus).

Sobre a FAMDDI

Criada em dezembro de 2018, durante o IV Encontro do Fórum de Educação Escolar Indígena do Amazonas (Foreeia), a FAMDDI reúne entidades indígenas e não indígenas voluntárias como Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Conselho Indigenista Missionário (CIMI), Serviço de Cooperação com o Povo Yanomami (Secoya), Associação dos Docentes (ADUA), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Amazonas (SJPAM) e Serviço Amazônico de Ação, Reflexão e Educação Socioambiental (SARES).

 

Fonte – Ascom

Foto – Divulgação